Brasil contratou mais de 369 mil aprendizes em 2017

O mercado de trabalho do país contabilizou o ingresso de 369.676 jovens por meio da Aprendizagem Profissional, entre janeiro e novembro de 2017. Os dados são de um resumo preliminar do Ministério do Trabalho. O estado que mais contratou foi São Paulo, com 102.300 admitidos, seguido de Minas Gerais, com 39.139, e Rio de Janeiro, com 33.453. O Paraná aparece em quinto, com 23.387 contratações no ano. No total, o Brasil já registra a contratação de mais de 3,2 milhões de aprendizes desde 2005, quando a lei que prevê essa modalidade de contratação entrou em vigor.

Para o diretor de Políticas de Empregabilidade da pasta, Higino Brito Vieira, os dados poderiam ser melhores: “O Brasil vem tendo um aumento na Aprendizagem Profissional desde a sua criação, mas os números poderiam ser melhores. O potencial de contratações é quase três vezes maior do que o que foi contratado (939.731), mas ainda é um desafio convencer os empregadores de que pode ser vantajoso para as empresas”, explica Vieira. O diretor destaca que a legislação prevê que todas as empresas de médio e grande porte devem manter em seus quadros de funcionários jovens de 14 a 24 anos, na modalidade Aprendiz, com cotas que variam de 5% a 15% por estabelecimento.

O Paraná tem potencial para contratação de 60.024 aprendizes por ano, ou seja – o total de contratações representa apenas 38,8% deste potencial.

Aprendizagem Profissional é focada na oportunidade para os que mais precisam:

“O programa de aprendizagem é uma oportunidade para que os jovens alcancem mais oportunidades no futuro profissional, além de auxiliar no combate à precarização do trabalho infantil. É importante destacar que a modalidade é diferente do estágio e implica garantias trabalhistas para o contratado”, conclui Vieira.

Programa de Aprendizagem da ABC Vida destaca-se por cumprir o objetivo final da Lei: atender os jovens em situação de vulnerabilidade

Em 2017 mais de 450 jovens passaram pelo programa de Aprendizagem da ABC Vida, realizado em Curitiba, Paraná. São oferecidos mais de 10 cursos em áreas distintas. Cada aprendiz é atendido de forma integral, ou seja, além de ter as atividades práticas na empresa e aulas teóricas profissionalizantes na ABC Vida, os jovens também recebem acompanhamento por psicóloga, assistente social, dentista, são incentivados ao esporte, atividades de lazer e cultura e podem envolver as suas famílias nos demais programas realizados pela Ong.

Conheça o Programa de Aprendizagem da ABC Vida aqui.

* Fonte para a notícia: http://trabalho.gov.br/noticias/5389-brasil-contratou-mais-de-369-mil-aprendizes-em-2017

NOSSO FACEBOOK  
VEJA TAMBÉM